sexta-feira, 30 de maio de 2014

Superlativos eruditos

É bom prevenir-se e não correr o risco de errar em algum vestibular ou prova, ou mesmo num concurso.
Nem sempre os superlativos absolutos são aquilo que nos parece óbvio. 
Como sabemos superlativo absoluto sintético é aquela palavra que eleva a ideia expressa pelo adjetivo a um grau máximo, como "lindíssimo", "inteligentíssimo".
Há alguns adjetivos, entretanto, que formam o grau superlativo a partir do radical latino diretamente retirado do latim. Prestem atenção aos seguintes adjetivos e a seus superlativos:

amável          -      amabilíssimo;
bom              -      boníssimo;
cruel              -      crudelíssimo;
doce              -      dulcíssimo;
fiel                  -    fidelíssimo;
miúdo             -     minutíssimo;
magro             -    macérrimo;
pobre              -     paupérrimo;
sábio                -   sapientíssimo;
soberbo            -    superbíssimo.


Quanto ao adjetivo "magro", existem as formas populares "magérrimo" e "magríssimo". Entretanto, como em latim a palavra que corresponde a "magro" é "macer", o único superlativo erudito correto é "macérrimo".

2 comentários:

  1. Forma erudita de magro é apenas macerrimo com acento agudo no "e".

    ResponderExcluir

Apreciarei muito seu comentário.