domingo, 28 de março de 2010

Semana Santa

A propósito da Semana Santa, uma amiga me encaminhou esta historinha interessante. Quer ler e comentar?

Explicações para a Páscoa
- Papai, o que é Páscoa?
- Ora, Páscoa é? bem? é uma festa religiosa!
- Igual ao Natal?
- É parecido. Só que no Natal comemora-se o nascimento de Jesus, e na Páscoa, se não me engano, comemora-se a sua ressurreição.
- Ressurreição?
- É, ressurreição. Marta, vem cá!
- Sim?
- Explica pra esse garoto o que é ressurreição pra eu poder ler o meu jornal.
- Bom, meu filho, ressurreição é tornar a viver após ter morrido. Foi o que aconteceu com Jesus, três dias depois de ter sido crucificado. Ele ressuscitou e subiu aos céus. Entendeu?
- Mais ou menos? Mamãe, Jesus era um coelho?
- Que é isso menino? Não me fale uma bobagem dessas! Coelho! Jesus Cristo é o Papai do Céu! Nem parece que esse menino foi batizado! Jorge, esse menino não pode crescer desse jeito, sem ir numa missa pelo menos aos domingos. Até parece que não lhe demos uma educação cristã! Já pensou se ele solta uma besteira dessas na escola? Deus me perdoe! Amanhã mesmo vou matricular esse moleque no catecismo!
- Mamãe, mas o Papai do Céu não é Deus?
- É filho, Jesus e Deus são a mesma coisa. Você vai estudar isso no catecismo. É a Trindade. Deus é Pai, Filho e Espírito Santo.
- O Espírito Santo também é Deus?
- É sim.
- E Minas Gerais?
- Sacrilégio!!!
? É por isso que a Ilha da Trindade fica perto do Espírito Santo?
- Não é o Estado do Espírito Santo que compõe a Trindade, meu filho, é o Espírito Santo de Deus. É um negócio meio complicado, nem a mamãe entende direito. Mas se você perguntar no catecismo a professora explica tudinho!
- Bom, se Jesus não é um coelho, quem é o coelho da Páscoa?
- Eu sei lá! É uma tradição. É igual a Papai Noel, só que ao invés de presente ele traz ovinhos.
- Coelho bota ovo?
- Chega! Deixa eu ir fazer o almoço que eu ganho mais!
- Papai, não era melhor que fosse galinha da Páscoa?
- Era? era melhor, sim? ou então urubu.
- Papai, Jesus nasceu no dia 25 de dezembro, né? Que dia que ele morreu?
- Isso eu sei: na Sexta-feira Santa.
- Que dia e que mês?
- (???) Sabe que eu nunca pensei nisso? Eu só aprendi que ele morreu na Sexta-feira Santa e ressuscitou três dias depois, no Sábado de Aleluia.
- Um dia depois!
- Não, três dias depois.
- Então morreu na quarta-feira.
- Não, morreu na Sexta-feira Santa? ou terá sido na Quarta-feira de Cinzas? ah, garoto, vê se não me confunde! Morreu na sexta mesmo e ressuscitou no sábado, três dias depois! Como? Pergunte à sua professora de catecismo!
- Papai, por que amarraram um monte de bonecos de pano lá na rua?
- É que hoje é Sábado de Aleluia, e o pessoal vai fazer a malhação do Judas. Judas foi o apóstolo que traiu Jesus.
- O Judas traiu Jesus no sábado?
- Claro que não! Se Jesus morreu na sexta!!!
- Então por que eles não malham o Judas no dia certo?
- Ui?
- Papai, qual era o sobrenome de Jesus?
- Cristo. Jesus Cristo.
- Só?
- Que eu saiba sim, por quê?
- Não sei não, mas tenho um palpite de que o nome dele era Jesus Cristo Coelho. Só assim esse negócio de coelho da Páscoa faz sentido, não acha?
- Ai Coitada!
- Coitada de quem?
- Da sua professora de catecismo!

quarta-feira, 17 de março de 2010

Novo desafio


Em nossa enquete sobre o uso da acentuação gráfica, a maior parte dos alunos declarou que conhece essas normas e as usa perfeitamente.

Muito bem. Lanço um desafio! Colocarei mensalmente num " mural da fama " os melhores comentários em nível culto da língua. Quer ver lá seu comentário?

A primeira publicação será no final de março.

quarta-feira, 10 de março de 2010

"Traje" adequado

Notou que nos convites para festas sempre há a exigência de um traje? Nas festas jovens, o traje é esporte, já em jantares mais formais exige-se traje passeio, em festas de casamento e formaturas costuma-se comparecer com traje de festa ou a rigor.
Quanto ao uso da linguagem, dependendo do lugar e do momento, usa-se um nível mais formal ou menos formal da língua.
Quando você usa um traje de festa, os acessórios também são especiais para a ocasião.

Assim, quando você usa o nível culto da língua, não pode deixar de usar as maíúsculas, a pontuação adequada, a acentuação gráfica.

Veja aqui à esquerda uma enquete sobre acentuação gráfica e participe, escolhendo uma ou mais opções.

Apreciarei muito sua participação.

segunda-feira, 8 de março de 2010

Enquete

Olá, amigos, falta só um dia para fechamento da enquete aqui à esquerda sobre o uso da internet e as funções da linguagem.

Como você usa a internet?  Responda, ok?


Veja também:


Com que funções usamos a internet

Projeto de leitura

Nova sugestão de leitura




Mais uma sugestão de leitura: "Capitães de Areia", de Jorge Amado.
Já li há bastante tempo e reli agora este livro do autor baiano, que relata na primeira parte de sua obra tantas histórias de sua própria terra.
Neste livro, pinta a vida de um grupo de meninos abandonados que vivem pelas ruas e dormem num trapiche. Cometem pequenos delitos mas têm entre eles uma moral que os leva a manterem-se unidos e viverem em solidariedade.
Lembrei do livro hoje,no Dia internacional da mulher, porque num trecho do livro um dos meninos leva uma menina órfã e o irmão dela para morarem no trapiche e tem de defendê-la num primeiro momento para não ser agredida sexualmente pelos demais. Porém, depois do primeiro momento, o grupo a recebe como a uma "mãe" menina e ela passa a cuidar do grupo.
Leia um trecho:

"Agora a sensação é diferente. Não é mais um arrepio de desejo. É aquela sensação de carinho bom, de segurança que lhe davam as mãos de sua mãe. dora está por detrás dele, ele não vê. Imagina então que é sua mãe que voltou. Gato está pequenino de novo, vestido com um camisolão de bulgariana e nas brincadeiras pelas ladeiras do morro o rompe todo. E sua mãe vem, faz com que ele se sente na sua frente e suas mãos ágeis manejam a agulha, de quando em vez o tocam e lhe dão aquela sensação de felicidade absoluta. Nenhum desejo. Somente felicidade. Ela voltou, remenda as camisas do Gato. Uma vontade de deitar no colo de dora e deixar que ela cante para ele dormir, como quando era pequenino. Se recorda que ainda é uma criança. Mas só na idade, porque no mais é igual a um homem, furtando para viver, dormindo todas as noites com uma mulher da vida, tomando dinheiro dela. Mas nesta noite é totalmente criança, esquece Dalva, (...) Esquece tudo, é apenas um menino de quatorze anos com uma mãezinha que remenda suas camisas. Vontade de que ela cante para ele dormir..."

Você poderá retirar esse livro da biblioteca da escola para ler.

Veja também:

Projeto de leitura

sexta-feira, 5 de março de 2010

Projeto de Leitura

Já conhecem a professora Núbia. Ela aparece aqui no nosso blog Sala de Português para apresentar o projeto de leitura. Vejam:



A ideia do projeto leitura surgiu quando a UnB indicou o livro O homem que calculava para os alunos do 1 ano, então os professores de Matemática e Português adotaram o livro para leitura e avaliação. O aluno que não lê, não consegue interpretar. E a leitura está presente em todas as áreas do conhecimento. É através da leitura que deixamos o mundo da ignorância. O projeto funciona assim: O aluno escolhe um livro narrativo ( que conte uma história), a professora anota o título e ao final da leitura faz uma avaliação, que pode ser oral ou escrita. Tudo muito simples. Que tal começar a procurar o seu livro?





Há sugestões de livros no blog, mas você pode escolher qualquer outro livro do gênero narrativo. Um abraço e boa leitura.


Veja:
Paineiras e Um certo capitão Rodrigo

Um cadáver ouve rádio

Irmãos pretos

Indicação de leitura: "Um cadáver ouve rádio"





Terminei de ler agora o livro "Um cadáver ouve rádio", de Marcos Rey.
O ruído de música no rádio numa obra abandonada leva ao descobrimento de um assassinato.
Três meninos que gostam de investigar esses fatos seguem as pistas até chegarem ao autor. E junto com essas pistas, há muito perigo ...
Que tal você também acompanhar a descoberta?

terça-feira, 2 de março de 2010

Com que funções usamos a internet?

Vimos recentemente em sala as funções da linguagem.
Ocorreu-me perguntar a vocês  quais as funções da linguagem que mais usamos na internet.
Por exemplo, no msn, o que você faz mais:
você usa mais a conversa fiada, apenas para manter o canal de comunicação aberto (função fática), você troca informações (função referencial) ou você expressa suas emoções (função emotiva)?

Responda a enquete que estou iniciando aqui à esquerda, nesta página.