domingo, 12 de dezembro de 2010

Natal no Egito

Na semana passada, assisti à apresentação de uma cantata de Natal que eu não conhecia - "Natal no Egito".
Foi apresentada por uma escola cristã de uma cidade próxima e, como meu esposo foi convidado para participar da banda que acompanharia os cantores, fui assistir.
A história conta o primeiro aniversário de Jesus fora de sua terra, quando, conforme as Escrituras, teve de refugiar-se no Egito, pois Herodes mandaria matar todos os meninos abaixo de dois anos, pensando com isso matar também a Jesus.
No Egito, ninguém sabia da história de Jesus, da promessa que fora feita na época dos patriarcas de que viria um Rei Libertador. José conta a alguns convidados, entre eles muitas crianças, sobre o nascimento de Jesus. A história imagina o que aconteceria se o faraó soubesse da existência de Jesus, como Rei prometido: por certo mandaria também matá-lO.
Quando Jesus volta para a Judeia, sob a orientação de um anjo que apareceu novamente em sonhos para José, o Egito já O conhece e passa a comemorar o Natal, contemplando uma manjedoura.
O aniversário de Jesus hoje em dia, comemorado em 25 de dezembro, em alguns aspectos, lembra aquele aniversário no Egito. Poucos conhecem o Aniversariante. Poucos o esperam como Rei de suas vidas. Poucos comparecem em Sua casa no dia do aniversário. Mas vamos estar entre estes. Visitemos Jesus no Natal, deixemos que a lembrança da manjedoura esteja sempre presente junto a nós. Mostremos ao mundo que Cristo é nosso Menino Rei.

Assistam à música tema da cantata: Natal no Egito



Postado por Celina às 09:22