terça-feira, 29 de março de 2016

Tipos de sujeito

Hoje é o dia de nossa primeira avaliação.
Um dos conteúdos que será examinado é o sujeito, uma função sintática na oração.
Sujeito é o termo sobre o qual se faz uma declaração na oração. 

Ex.: O trabalho gotejava sobre a mesa do estagiário.

Observe o tipos de sujeito que existem:


Sujeito determinado: é aquele que se pode identificar com precisão a partir da concordância verbal. Pode ser:
a) Simples
Apresenta apenas um núcleo ligado diretamente ao verbo.
Ex.: O estagiário cansou-se.

b) Composto
Apresenta dois ou mais núcleos ligados diretamente ao verbo.
Ex.: Processos e  providências gotejavam sobre a mesa do jovem.

Sujeito desinencial
Ocorre quando o sujeito não está explicitamente representado na oração, mas  pode ser identificado. É também chamado de sujeito oculto.
Ex.:  O estagiário cansou-se. Retirou-se imediatamente do escritório.
 Na segunda oração, sabemos que o sujeito é ele (o estagiário), porque foi mencionado anteriormente.

Sujeito indeterminado
Ocorre quando não é possível determinar o sujeito em uma oração. Em Português, é indicado pela 3ª pessoa do plural ou pela 3ª pessoa do singular, com o pronome se.
Ex.: Utilizam muito o celular na sala de aula.
Conversa-se muito enquanto o professor explica as lições.
Orações sem sujeito
Em alguns casos, não há sujeito na oração:
a) Com verbos que indicam fenômenos naturais.
Ex.: Venta. Troveja. Chove a cântaros.

b) Com o verbo haver no sentido de existir.
Ex.: Há alunos muito estudiosos.

c) Com os verbos haver, fazer e ir, no sentido de tempo decorrido no passado.
Ex.: Há muito tempo que leciono Português. Faz muito tempo que observo os alunos.
Vai muito tempo que estou na sala de aula.

Identifique o tipo de sujeito em:

1 - O estagiário cansou-se.
2 - Trabalha-se muito no escritório.
3 - Acusaram o estagiário de descuido.
4 - Cheguei em Brasília em 1974.
5 - Chove muito de outubro a março em Brasília.

Respostas:
1 - Sujeito simples.
2 - Sujeito indeterminado.
3 - Sujeito indeterminado.
4 - Sujeito desinencial.
5 - Oração sem sujeito.



 




 



segunda-feira, 28 de março de 2016

Receitas para vida - participação de alunas


Sugeri a meus alunos que participassem do projeto do blog Histórias em 77 palavras, da escritora portuguesa Margarida Fonseca Santos, escrevendo "Receitas para a vida", conforme proposto em um dos desafios, apresentado por uma escola europeia, o Colégio Maestro Ávila.
Estou apresentando aqui dois textos, das alunas Júlia Lemos e Tauane, da turma 8º ano A, que encaminharei também à escritora, solicitando publicação no blog de Portugal.
Apreciem os textos:


Receita para a vida

           Sair, curtir e se divertir. Viver a vida sem tristezas, aproveitar cada momento, sorrir, fazer as pessoas sorrirem. Alegrar-se com coisas pequenas.
           Se cair, levante. Se tropeçar, mantenha o equilíbrio. Se o decepcionarem, revide com um sorriso. Sinta-se importante. Sonhe, acredite, confie e seja forte.
            Inspire-se mas não copie, sorria, mas não da derrota dos outros, aproveite a vida, seja você mesmo, não tenha vergonha do que é, tenha vergonha de fingir ser outra pessoa. Seja feliz!

Júlia Lemos, 12 anos, Centro de Ensino Fundamental nº 4, de Brasília, Brasil.
                                      
                                      Receita para a vida

                           Olhe o mundo a sua volta, transmita alegria e sorria bastante para todos.
                   Contemple sempre o lindo e o inexplorado, o verde das folhas balançando, aproveite o calor do sol e a beleza da luz da lua e das estrelas, admire o céu.
                    Sempre que olhar as estrelas, tenha uma canção nos lábios, sorria para elas e sorrirão de volta.
                    Ame bastante as pessoas, e não se esqueça: guarde sempre muita esperança e alegria em seu coração.

Tauane, 13 anos, Centro de Ensino Fundamental nº 4, de Brasília, Brasil. 

      
                                          
Observem  AQUI e AQUI os textos da Júlia e da Tauane no blog Histórias em 77 palavras.




terça-feira, 22 de março de 2016

Receitas para a vida - convite

Estou propondo aos alunos que escrevam "Receitas para a vida". Selecionarei algumas para serem publicadas no blog Histórias em 77 palavras.
Coloco aqui minha receita.


Receita
Respirar muito ar puro, aproveitar o calor do sol e contemplar a luz do dia. Alimentar-se de folhas verdes e saudáveis legumes. Saborear as frutas.
Contemplar sempre o verde e o azul do planeta em cada passeio, visitar os lugares lindos e os parques perto e longe de casa e praticar muitas caminhadas e exercício físico.
Ter uma canção nos lábios, olhar tudo com os olhos da esperança e sorrir bastante. Guardar sempre  muita fé no coração!


domingo, 20 de março de 2016

Receitas para a vida

Mais uma vez estou iniciando o ano, em nova escola e com novos e queridos alunos.
Vou propor neste primeiro post um desafio apresentado pelo blog Histórias em 77 palavras.
Consiste em escrever um texto em 77 palavras apresentando conselhos para a vida.
Aqui está um exemplo, que foi elaborado por um aluno do extremo norte do Brasil.



Receita para cada dia

No domingo tome ar e tome sol, caminhe sem rumo ou pressa...
Na segunda acorde cedo, tome um café, produza sentido!
Na terça caminhe ou corra, tome saúde! Não mate, não morra!
E na quarta, leia um bom livro, veja um filme, sossegado...
Na quinta ligue para um amigo, compre flores. Entusiasmo!
Na sexta, se enfeite, faça festa, espalhe alegria e amores,
Já no sábado repita a sexta, e a quinta, e seja feliz!
Domingo vem aí!

Roseane Ferreira, Macapá, Amapá, Extremo Norte do Brasil

A ideia desse desafio surgiu de uma escola europeia, o colégio Maestro Ávila, com o nome original de "Recetas para la vida" e está sendo divulgado pelo blog mencionado, da escritora portuguesa Margarida Fonseca Santos.
As redações de meus alunos selecionadas serão encaminhadas para publicação no blog português da escritora Margarida.
Acrescentando uma informação, o gênero do texto que apresenta conselhos ou sugestões ou mesmo instruções é o injuntivo. Logo, as "receitas" serão redigidas no gênero textual injuntivo.
Aguardo os trabalhos de vocês!