Orações subordinadas substantivas

Orações subordinadas substantivas, como o nome diz, são orações subordinadas que têm funções próprias dos substantivos, como sujeito, objeto direto, objeto indireto.

Observe o período a seguir.

É importante que saibas a verdade.
A oração "que saibas a verdade" funciona como sujeito da oração principal "É importante".
Se modificarmos o período  tornando-o um período simples (com uma só oração), ficará assim: O conhecimento da verdade é importante. Neste novo período, o sujeito é "o conhecimento da verdade".

A classificação das subordinadas substantivas é a seguinte:
- Subordinada substantiva subjetiva - tem a função de sujeito.
É indispensável que você estude para a prova.

- Subordinada substantiva objetiva direta - tem a função de  objeto direto.
Desejo que você tenha sucesso nos exames.

Subordinada substantiva objetiva indireta - tem a função de objeto indireto.
Tudo depende de que te esforces.

- Subordinada substantiva predicativa - tem a função de predicativo.
O necessário é que estudes.

- Subordinada substantiva apositiva - tem a função de aposto.
O indispensável é isto: que procures informação.
O indispensável é isto: procurar informação.
Neste último exemplo, a oração é reduzida de infinitivo, isto é, tem o verbo no infinitivo.

- Subordinada substantiva completiva nominal - tem a função de complemento nominal (isto é, completa o sentido de um nome).
Tenho receio de que o rapaz se distraia no exame.
 Neste caso a oração subordinada completa o sentido do substantivo "receio".


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Apreciarei muito seu comentário.